eu nunca vou esquecer o dia em que a minha amiga do primeiro ano da faculdade, Jessica, descobriu que eu planejava guardar o sexo para o casamento. “Então, você está me dizendo que você nunca faria um test drive em um carro antes de comprá-lo?”. Olhando para trás, para aquele encontro, eu penso em todas as formas que eu poderia ter respondido. Na época, porém, eu meio que me embaralhei nas minhas palavras. Pessoas e carros não são a mesma coisa, e igualar dirigir um carro à intimidade conjugal entre os esposos é um grande equívoco em relação ao propósito do amor e do sexo.

Olhando agora para trás eu sei que essa garota vivia uma profunda confusão sobre a sua própria dignidade. Nós não precisamos ter um bom “desempenho” para sermos dignas de um compromisso que dura a vida toda. Apesar de essa amiga não fazer mais parte da minha vida, eu não posso deixar de pensar: e se nós tivéssemos continuado amigas? E se eu tivesse me conformado em pensar como essa amiga para me encaixar no meu antigo meio social?

Você vai começar a faculdade no próximo semestre? Ou talvez você é um jovem profissional no mundo e ainda não encontrou uma comunidade que acredita nos mesmos valores que os seus. Existe uma tentação de conformar as nossas ideias [com as ideias do mundo] quando nós acreditamos que não existe ninguém que pense como nós. Durante o meu primeiro ano de faculdade, eu acreditava que se eu pensasse ou agisse diferente dos meus amigos, eu ficaria completamente sozinha em casa no sábado à noite esperando pelo momento em que a vida seria divertida e excitante. Mas a verdade é que eu só não tinha encontrado as pessoas certas.

Como você pode evitar a pressão dos seus colegas na faculdade com relação a coisas como sexo? Conhecer os fatos, defender a verdade e encontrar uma boa comunidade são ferramentas que vão te levar na direção do sucesso.

Conhecer os fatos

Independentemente do quão desenfreada pareça ser a cultura do ficar e da pegação, existem pessoas que estão escolhendo viver a virtude da castidade! Existe uma percepção de que todos os alunos da faculdade vivem um estilo de vida sem amarras, de ficadas casuais, mas as estatísticas nos dizem algo diferente. Pesquisas mostram que os alunos de faculdade não fazem sexo com mais frequência ou têm mais parceiros sexuais do que estudantes de outras épocas. Você não está sozinho nem maluco por desejar um amor autêntico que não é barateado pelo uso. Apenas cerca de 15% dos estudantes de faculdades norte americanos curtem ficar e cerca de ⅓ dos alunos não vão ter relações casuais durante todos os anos de faculdade.

Defender seu compromisso

Foi na faculdade que o meu comprometimento com a castidade começou a ser vivido totalmente. Eu recebia várias perguntas dos meus amigos na época. Eu tinha que constantemente me lembrar do vazio que era viver a cultura da pegação e da dor de ser usada. Chegou a um ponto em que eu tive que tomar uma decisão para o meu bem e reconhecer aquilo que eu acreditava. Deixa eu te falar uma coisa, apesar de já terem se passado alguns anos e a minha convicção ser mais forte hoje, ainda é um escolha diária elevar-me acima da pressão dos colegas gerada pela nossa cultura e fazer escolhas que honram a minha dignidade.

Encontrar e caminhar com amizade autênticas

Minha vida mudou para sempre quando eu encontrei um grupo de mulheres católicas no meu campus. Esse grupo não forneceu uma cura profunda das mentiras nas quais eu acreditava, mas por meio dele eu encontrei uma comunidade de mulheres que amavam e me abraçaram por ser exatamente quem eu sou! Um dos aspectos mais importantes da faculdade é encontrar amizades para caminhar junto e que vão te ajudar a crescer em virtude. É uma mentira acreditar que não existe ninguém no seu campus que tem os mesmos ideais que você. Eles estão por aí, mas vai envolver um pouquinho de busca para encontrar. Procure algum grupo religioso no seu campus! Isso vai te ajudar a ficar longe da pressão de colegas e você vai encontrar pessoas que pensam como você e se tornarão alguns dos seus melhores amigos.

Você foi criado para coisas grandes, minha oração é que você nunca se contente com algo só porque é popular, confortável e conveniente.

_____________

Autor: Lindsay Fay

Lindsay Fay é formada em Estudos Religiosos pela Santa Clara University. Ela cresceu no Sul da Califórnia e começou a dar palestras para seus colegas sobre a fé no ensino médio. Lindsay conheceu o The Culture Project enquanto servia como uma estagiária no Theology of the Body Institute na Filadéfia. 

Fonte: The Culture Project

Traduzido por Angela de Oliveira – Membro da Rede de Missão do YOUCAT BRASIL, como Voluntária nos Núcleos de Tradução e Comunicação.

Deixe seu comentário